Ilhéu da Ponta do Topo – Ilha de São Jorge

O Ilhéu da Ponta do Topo está localizado na ponta Este da ilha de São Jorge. Este local possui cerca de 200 000m², é de terreno plano e fica a uma curta distância da costa da vila do Topo, que está no extremo sudoeste da ilha.

O Ilhéu da Ponta do Topo é uma Zona de Protecção Especial, principalmente pela diversidade da sua avifauna marinha. No verão é comum ver as vacas sendo levadas a nado para o ilhéu para pastarem. O local também é muito conhecido pela prática do mergulho, sendo um dos melhores locais da Ilha de São Jorge para a prática desta actividade.

Ilheu da Ilha São Jorge
Ilheu da Ilha São Jorge
Fotografia de António Faria

Veja também: Locais a visitar na Ilha de São Jorge

História

O Ilhéu da Ponta do Topo encontra-se a apenas 100 metros da costa. A Ponta do Topo e a região oriental da ilha formam a zona mais antiga da ilha de São Jorge. O Ilhéu foi formado por escoadas lávicas há mais de 1,32 milhões de anos.

O Ilhéu do Topo possui superfície plana e é composto por basaltos e tufos do Complexo Vulcânico do Topo, estando separado da ilha devido a uma erosão.

O Ilhéu foi classificado como Reserva Natural Parcial, sendo apenas 12,14ha correspondentes a área protegida. A zona apresenta uma grande riqueza e variedade de aves marinhas e flora.

Ponta do Topo
Ponta do Topo
Fotografia de António Faria

Local de mergulho

Além da bela paisagem do Ilhéu da Ponta do Topo, ainda é possível realizar mergulhos, um no lado Norte e outro no lado Sul do Ilhéu. Esse lugar é um dos mais procurados para mergulho da ilha.

Normalmente a corrente de água é moderada e os mergulhos acontecem entre 5 e 25 metros de profundidade, porém o local algumas vezes pode receber alguma corrente mais forte, o que requer maiores cuidados nesses dias.

Apesar de se encontrar perto da costa, para realizar a actividade é necessário fazer uma viagem de barco de cerca de 25 milhas do Porto das Velas até ao ilhéu.

A zona sul do ilhéu possui um declive muito suave com uma profundidade entre os 5 e 10 metros, já o ilhéu norte a profundidade vai de 12 a 25 metros.

Na profundidade moderada é possível ver diversas espécies marinhas comuns dos Açores. Já nas maiores profundidades é possível ver grandes cardumes de peixes que vivem nas profundezas como meros (Epinephelus marginatus), peixes-cão (Bodianus scrofa) e badejos (Mycteroperca fusca).

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por KAPTUM DIFFERENT PERSPECTIVES (@kaptum_different_perspectives) a

A lenda do Ilhéu do Topo e os bois para o Espírito Santo

Neste local existe uma lenda muito conhecida que se chama “Ilhéu do Topo e os bois para o Espírito Santo“. A lenda conta que desde muitos anos a população da Ilha de São Jorge sempre teve muita fé no Espírito Santo e todo o ano havia uma festa em sua homenagem, sempre muito animada.

Num determinado ano era previsto que a festa fosse ainda mais divertida, já que um dos realizadores da festa tinha prometido fazer um grande jantar para toda a freguesia. Para isso, ele tinha separado dois bois que foram levados a nado para o Ilhéu da Ponta do Topo e estavam lá a engordar para a festa. Quando se aproximasse a festa, eles deveriam voltar a nado com o apoio de homens agarrados a cordas num barco, puxando a cabeça dos bois para que ficassem fora da água e chegassem bem à ilha.

Ilhéu da Ponta do Topo - Ilha de São Jorge, Açores

(C) José Luís Ávila Silveira/Pedro Noronha e Costa

A festa aproximava-se quando na semana começou uma ventania muito grande na região e por consequência o mar ficou bravo. Deste modo ficaria impossível conseguir trazer os bois para a ilha para serem mortos para a festa. O senhor então teve que tomar providências para cumprir a sua promessa: decidiu comprar dois bois ao invés de trazer os que estavam no ilhéu. Ele tinha a certeza de que o Espírito Santo sabia que não era por má vontade que não traria os bois prometidos e mataria os outros dois.

Dois dias antes da festa o homem juntamente com os vizinhos preparavam-se para matar os dois bois comprados. Quando estavam lá com os bois, aparecem os dois bois grandes e gordos que estavam no Ilhéu. Eles tinham-se lançado ao mar e ido até à Pontinha, onde hoje existe o Farol da Pontinha. Todos os que estavam lá ficaram muito admirados, principalmente pelo facto de não estarem molhados como se não tivessem vindo a nado e sim trazidos pelo Espírito Santo.

Muitos do que ali estavam choraram de grande emoção e o realizador da festa ficou tão contente que além dos bois comprados, também matou os bois prometidos. Naquela festa as esmolas foram ainda maiores, a festa foi muito mais farta e divertida e todos comentavam emocionados o entranho caso do aparecimento dos bois.

Vídeo

O Ilhéu da Ponta do Topo é um lugar bonito e cheio de lendas. Possui muita diversidade na fauna e flora e é um local ideal para os praticantes de mergulho.

byAçores recomenda: O seu anúncio aqui? Anunciar
Observação de Cetáceos (Baleias e Golfinhos) em São Miguel Diversos tipos de baleias e outros cetáceos escolhem os Açores como habitat. Com este passeio de barco pela costa de São Miguel, poderá avistar esses grandes mamíferos. Anúncio byAçores
Rent a Car em Ponta Delgada e Flores - Desde 4,99€/dia Magic Islands: Rent a Car Açores, estamos nas Ilhas de São Miguel e das Flores. Aluguer de carro nos Açores. Conheça a nossa frota e escolha a sua viatura. Anúncio byAçores
Voos para os Açores e Pacotes de Viagem | Férias nos Açores Encontre e conheça as melhores ofertas de viagem para os Açores. Viagem com voo, alojamento, viatura e ou actividades tudo incluído. Escolha o pacote ideal para si. Anúncio byAçores