Gruta das Torres – Ilha do Pico

A Gruta das Torres é um Monumento Natural Regional que está localizado na freguesia da Criação Velha, no concelho da Madalena, Ilha do Pico. A Gruta é de origem vulcânica e é o maior túnel lávico do arquipélago dos Açores.

A Gruta das Torres está localizada numa altitude de 285 metros e possui cerca de 5 quilómetro de comprimento e uma altura máxima de 15 metros. Possui um túnel principal de grande dimensão e vários túneis menores de estruturas variadas na parte superior e laterais.

Gruta das Torres - Ilha do Pico - Açores

(C) Fernando Guerra

História da Gruta das Torres

A Gruta das Torres foi descoberta em 1990 e é a maior gruta vulcânica até então conhecida nos Açores. A Gruta foi originada pela lava de uma erupção vulcânica num lugar conhecido como Cabeço Bravo há cerca de 1500 anos. Está inserida no complexo Vulcânico da Montanha do Pico.

O interior da Gruta das Torres é muito rico em formações geológicas, possuindo diversas estruturas, tais como estalactites, estalagmites lávicas, paredes estriadas, bancadas laterais e bolas de lava. O chão da gruta também apresenta características interessantes e variadas, como uma superfície áspera, espinhosa e com pouca regularidade.

Gruta das Torres - Ilha do Pico - Açores

(C) Fernando Guerra

Em algumas zonas da gruta é possível observar alguns gotejamentos oriundo do tecto, apesar de não existir muita circulação de água na maior parte da gruta. A temperatura no seu interior é praticamente constante durante todo o ano, possuindo alguma variação nas aberturas.

Devido a sua importância como património natural, em 2004 foi classificada como Monumento Natural Regional.

O que poderá observar

Apesar da Gruta das Torres ter mais de uma entrada, a principal é feita pelo Algar da Ponte. Durante o trajecto é possível verificar a transição da paisagem natural muito arborizada a transformar-se num ambiente vegetal diferente, com musgos e líquenes que estão nas paredes e chãos nas aberturas da gruta.

A visita da Gruta das Torres acontece ao longo de 450 metros e dura aproximadamente uma hora. Durante a visita os visitantes preparam-se para um formato de expedição. Os visitantes usam equipamentos próprios para conhecer o interior da gruta, tais como capacete e equipamento individual de iluminação, que estão incluídos no valor do ingresso.

Durante a visita à Gruta das Torres o visitante tem a oportunidade de observar diferentes tipos de lavas e diversas formações geológicas, além de poder verificar a existência de uma fauna e flora específica deste local.

Centro de Visitantes da Gruta das Torres

No ano de 2000 deu-se início a um projecto para requalificar o espaço da Gruta. A Secretaria Regional do Ambiente criou novas infraestruturas que permitem um melhor acesso ao local e que traz mais segurança aos visitantes da Gruta. Este projecto melhorou a acessibilidade no interior da gruta, criou um Centro de Visitantes e alguns outros edifícios anexos.

Centro de Visitantes Gruta das Torres, Pico - Açores

O Centro de Visitantes da Gruta das Torres é um centro voltado para a sensibilização ambiental e para fins lúdicos. O projecto do centro é inovador e reproduz a imagem dos sistemas construtivos locais utilizados nos currais da Ilha do Pico. O edifício é de coloração preta para representar a lava vitrificada que existe no interior da Gruta.

Centro de Visitantes Gruta das Torres, Pico - Açores

O Centro oferece: visita guiada, projeção de filmes e documentários, além de parque de estacionamento. Em 2004 foi assinado um protocolo de cooperação entre o Governo Regional dos Açores e a associação “Os montanheiros” com o objectivo de dinamizar, explorar e realizar a manutenção da gruta.

Centro de Visitantes Gruta das Torres, Pico - Açores

Localização no Mapa

Contactos

Caminho da Gruta das Torres,
Criação Velha, 9950 Madalena
Telefone: + 351 924 403 921
E-mail: pnpico.grutadastorres@azores.gov.pt

Horários

01 de Novembro a 31 de Março

De terça a sexta: 10h00 às 17h00
Sábados e feriados: 14h00 às 17h30
Encerrado: domingos | segundas | 1 janeiro | terça Carnaval | domingo Páscoa | 25 dezembro

01 de Abril a 31 de Outubro

Aberto todos os dias: 10h00 às 18h00
Encerrado: domingo Páscoa

Visitas guiadas

01 de Novembro a 31 de Março

De terça a sexta: 10h30 | 12h00 | 14h00 | 15h30
Sábados e feriados: 14h30 | 16h00

01 de Abril a 31 de Maio | 01 a 31 de Outubro

Todos os dias: 10h30 | 12h00 | 13h30 | 15h00 | 16h30

01 de Junho a 30 de Setembro

Todos os dias: 10h30 | 11h00 | 12h00 | 13h30 | 15h00 | 16h30

Duração da visita: 60 a 90 minutos
Número de pessoas por visita: 4 – 15

Preços

Criança (0 – 6 anos): Grátis

Júnior (7 – 14 anos): 4,00 €

Adulto (15 – 64 anos): 8,00 €

Sénior (+ 65 anos): 4,00 €

Família (2 adultos e filhos até 14 anos): 16,00 €

Residente na RAA*: Grátis ( *Mediante apresentação do Cartão de Cidadão. )

O bilhete inclui Seguro de Acidentes Pessoais, equipamento individual de segurança (capacete com respetiva touca higiénica) e equipamento individual de iluminação (lanterna de mão).

Crianças até aos 12 anos devem apresentar-se acompanhadas por um adulto.

Curiosidades

A Gruta das Torres desperta muitas curiosidades entre seus visitantes. A seguir será apresentado algumas curiosidades sobre esse fenómeno natural e da sua visita:

  • A visita à Gruta das Torres é pioneira em Portugal;
  • A visita deve sempre ser acompanhada por um guia do local e o ingresso é adquirido no Centro de Visitantes;
  • O edifício do Centro de Visitantes já foi nomeado para alguns concursos de arquitetura e Urbanismo, e em 2009 recebeu o 1º lugar no Prémio Nacional de Tektónica da Ordem dos Arquitetos.
  • Cerca de dez mil pessoas por ano visitam a Gruta das Torres;

Fotos

Centro de Visitantes Gruta das Torres, Pico - AçoresCentro de Visitantes Gruta das Torres, Pico - AçoresCentro de Visitantes Gruta das Torres, Pico - AçoresCentro de Visitantes Gruta das Torres, Pico - AçoresCentro de Visitantes Gruta das Torres, Pico - Açores

Vídeo

A Gruta das Torres é um fenómeno natural muito curioso e que desperta o interesse de muitos visitantes.

A visita ao interior da gruta possibilita ao visitante observar uma criação única proveniente de lavas vulcânicas, que possui uma fauna e flora típica do local e com um valor natural gigantesco.